Então é Natal: Relembre as músicas de fim de ano mais tocadas

Dezembro chegou! E com ele veio toda a bagagem das canções de Natal e ano novo que a gente já coloca para tocar no primeiro dia do mês. Afinal, essas canções carregam consigo todas as sensações que temos com essas datas. As memórias da família reunida, da comida, da música, dos programas de dia de natal na televisão e do especial do Roberto Carlos, para sabermos que o ano está acabando.

Essa lista é dividida em sucessos nacionais e internacionais, para agradar todo mundo. Você também entra no clima natalino assim que acaba o 31 de novembro? Então vem relembrar alguns dos clássicos dessa época do ano.

Internacionais

All I Want For Christmas Is You 

(Mariah Carey, 1994)

Não é surpresa para ninguém que o hit de 1994 é um dos mais queridos quando a época de Natal se aproxima. A música voltou a ter grande atenção com o auxílio das redes sociais, sendo o primeiro lugar na lista “Holliday 100” da Billboard e alcançando o primeiro lugar nas músicas mais tocadas no fim de 2019, 25 anos após seu lançamento.

Last Christmas

(Wham, 1986)

Mais uma balada romântica para o fim de ano – a minha favorita, aliás. A canção da dupla britânica que emplacou nos anos 80 também está no topo da lista de “Holliday 100” da Billboard, e conta com outra versões, como da série americana Glee e da cantora Ariana Grande.

The Chipmunk Song (Christmas Don’t Be Late) 

(David Seville & The Chipmunks)

Essa aqui pode vir como uma surpresa para muitos. Alguns podem conhecer a canção do filme live-action “Alvin e os Esquilos”, mas o que talvez não saibam é que o longa de 2007 é baseado nos desenhos dos anos 60 e 80. E uma surpresa ainda maior: o desenho é baseado na história de Ross Bagdasarian, um cantor e ator americano que caiu na graça do público nos anos 50. 

Pelo pseudônimo de David Seville (soa familiar?) ele criou um grupo de membros inexistentes, Alvin & the Chipmunks (Alvin e os Esquilos), no qual fazia as três vozes dos animais alterando a rotação da fita de gravação e, consequentemente, modificando a afinação de sua voz. 

Bagdasarian ganhou um Grammy pela canção em 1958, ano do seu lançamento, que se manteve como a única música natalina a alcançar o primeiro lugar na Billboard, até o hit de Mariah Carey alcançar também a posição.

Nacionais

Boas Festas 

( Assis Valente, 1932) 

Um grande nome do samba, Assis Valente lançou a canção Boas Festas em 1932. Apesar de conter melodia animada, a música carrega uma narrativa triste, trazendo com o trecho “felicidade é brinquedo que não tem”, um possível reflexo dos problemas emocionais que o cantor enfrentava.

A canção se tornou uma das mais conhecidas músicas natalinas nacionais, e mesmo sendo melancólica, você provavelmente já cantou ela na apresentação de Natal da escola.

Um Novo Tempo  

( Marcos Valle, Paulo Sérgio Valle e Nelson Motta, 1971)

O jingle da Globo, criado em 1971,  é sem dúvida o mais famoso, e já virou sinônimo de fim de ano! Apesar de ser mais lembrado para o ano novo do para o Natal, a canção já é algo cultural do brasileiro, e cá entre nós, as versões mais antigas são as melhores, né?

Então é Natal

(Simone, 1995 )

Não podíamos deixar esse clássico de lado. Ele ele é praticamente o cerne do natal brasileiro. “Então é Natal” da Simone é uma versão brasileira da música Happy X-Mas (War is Over) de John Lennon e, assim como a original, a canção traz uma proposta de reflexão e de quebra uma crise existencial de fim de ano.

Ainda faltou vários hinos natalinos aqui na lista. Se você lembrar de algum deixa nos comentários! Esperamos que dezembro seja repleto de coisas boas para você e que deixe o ano de 2020 um pouco melhor. Boas festas!