Projeto “Pandemia Crítica” lança mais dois textos

A série de textos reúne análises voltadas a pandemia e os seus impactos nos indivíduos


Dois textos da série ‘’Pandemia Crítica’’ foram adicionados neste sábado (4) no site da editora N-1. ‘’Um tiro em mim: quando ficar em casa é também estar em perigo’’ pelo pseudônimo I e a continuação da ‘’Crônica da psicodeflação’’ escrito pelo teórico de mídia e ativista social italiano Franco Bifo Bernard entraram no conjunto. O projeto conta atualmente com 13 textos de autores brasileiros e estrangeiros, como italianos e estadunidenses, que mostram a partir de diversas óticas como o tema da COVID-19 pode ser interpretado.

Política global atual, isolamento social e questionamentos acerca das transformações causadas pelo coronavírus, são os temas destacados nos textos do projeto lançados pela editora. As obras começaram a ser disponibilizadas em março e continuam a ser lançadas. Os autores dos textos são filósofos, ativistas, professores e pesquisadores, que refletiram e estudam as mudanças sociais causadas pelo vírus.  

“O medo” do filósofo português José Gil, primeiro texto do projeto, traz a indagação sobre a intensidade do medo existente na crise da saúde mundial causado pela pandemia, que nos afasta em consequência do isolamento social e ao mesmo tempo nos une como coletividade por estarmos igualmente vulneráveis ao vírus. Em outras análises, como a “Crônica da psicodeflação” do italiano Franco Bifo Bernardi, é observado de maneira contínua os devaneios da saúde na Itália e como o temor se aproxima cada vez mais do autor no decorrer de suas crônicas.

Um outro texto lançado leva em consideração a necessidade dos norte-americanos colocarem um culpado pela pandemia. O texto “O vírus americano” do filósofo Brian Massumi, nota o carácter eugênio da crise sanitária global que adota uma narrativa cada vez mais nacionalista e neoliberal nos Estados Unidos.