Universidade de São Paulo disponibiliza mais de 3 mil livros gratuitos

Documentos históricos, livros raros e manuscritos foram digitalizados graças ao projeto

A Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin destaca-se no estudo de obras brasileiras, e na preservação, conservação e restauro de livros.
Foto: João Marcos Cardoso

A Universidade de São Paulo (USP) idealizou o projeto “Brasiliana Digital” que disponibiliza mais de 3.000 livros para download gratuito. O acervo faz parte dos documentos e obras existentes na Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin, e está disponível no site da instituição.

Conteúdos sobre o abolicionismo, obras do escritor Machado de Assis ou de Euclides da Cunha, por exemplo, são encontradas na plataforma. As primeiras edições do jornal Correio Braziliense e os manuscritos alemães que datam 1525 também estão disponíveis.

Os arquivos digitais disponibilizados pela Brasiliana Digital possuem direitos de uso e existem regras para a utilização dos conteúdos. A proibição dos documentos e livros com finalidades comerciais e a citação da fonte sempre que utilizar o conteúdo são algumas das normas adotadas.

A Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin (BBM), órgão da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária da USP, criada em 2005, é conhecida no país e no exterior por sua coleção única. A coleção foi reunida ao longo de mais de 80 anos pelo bibliófilo José Mindlin e Guida, além de contar com parte do acervo que pertencia ao bibliófilo Rubens Borba de Moraes.